Cursinho pré-vestibular e pré-Enem de graça

Entrar em uma faculdade pública ou ser aprovado no Enem não é tarefa fácil para muita gente, principalmente para quem estudou maior parte do tempo em escola pública.

   Cursinho pré-vestibular Universidade para Todos é promovido pelo Governo Estadual da Bahia

As aulas do cursinho são gratuitas (assim como o material didático)

Se você tem esse sonho, é esforçado, mas precisa de ajuda com os estudos e não tem como pagar por isso, procure o cursinho pré-vestibular do governo. É gratuito e tem em várias cidades da Bahia.

Cursinho pré-vestibular Universidade Para Todos

Quem pode participar: 

  • quem estudou desde a 5ª série do ensino fundamental (atual 6º ano) em escolas públicas estaduais e municipais da Bahia.
  • e hoje está no 3° ano do Ensino Médio ou já terminou o Ensino Médio.

Mais informações e inscrições: 

  • Telefone: 0800 285 8000 (segunda a sexta-feira, das 8h30 às 12h e das 13h30 às 18h)
  • Email: upt@educacao.ba.gov.br

Inscrições para 2013 abertas entre 30 de abril e 10 de maio

Se tiver mais gente tentando entrar nesse cursinho do que vagas, a  seleção será feita com base nas médias de Português e Matemática do 3° ano para quem já concluiu e do 2° ano para quem está cursando o último ano do Ensino Médio.

Onde achei essas informações?  http://vestibular.brasilescola.com/cursinhos-comunitarios/universidade-para-todos.htm

Reforço escolar deve funcionar como complemento à aula

Engana-se quem pensa que o reforço escolar serve apenas para repetir o que já foi dito em sala de aula.

A experiência com o CAP (Centro de Apoio Pedagógico) em Salvador mostra a cada dia como é importante apresentar novas abordagens de um mesmo assunto a depender do perfil do aluno.

_______________

“É possível ampliar os contextos da matéria e dedicar mais tempo à compreensão do ponto exato em que reside a dúvida do aluno”

_______________

Além disso, as novas amizades e a troca de conhecimento entre os estudantes são pontos fortes que tornam o reforço escolar um importante momento de descobertas.

Reforço escolar: abordagem complementar

Veja o que diz essa matéria da  Revista Educação no portal UOL:

“Sem o cronograma rígido das aulas regulares, é possível ampliar os contextos da matéria e dedicar mais tempo à compreensão do ponto exato em que reside a dúvida do aluno, que tipo de raciocínio ele não está conseguindo desenvolver”.

A matéria é bem legal e pode ser conferida na íntegra nesse link.